Khöndung Gyana Vajra Rinpoche é o filho mais novo de S.S. Sakya Trichen Dorje Chang. O 41º Sakya Trizin. Ele nasceu em Dehradun, na Índia, no dia 5 de julho de 1979. Juntamente com seu irmão mais velho, Khöndung Ratna Vajra Rinpoche, ele iniciou sua alfabetização e estudos religiosos em uma idade muito precoce, sob a tutela do Venerável Rinchen Sangpo. Ele completou os seus estudos primários e intermediários no Sakya Centre, em Dehradun, na sede principal e mosteiro de Sua Santidade o Sakya Trizin, depois prosseguindo seus estudos superiores no Sakya College, onde estudou filosofia budista por cinco anos. Durante esse tempo, ele recebeu inúmeros ensinamentos importantes e iniciações de Sua Santidade e de outros grandes mestres, como Kyabje Luding Khenchen Rinpoche, Kyabje Chogye Trichen Rinpoche e Venerável Khenpo Appey Rinpoche, para citar apenas alguns. Desde então, Sua Eminência tem acompanhado Sua Santidade em muitas turnês de ensinamentos, tendo ele próprio ensinado e concedido grandes iniciações em vários países. Ele se tornou um mestre realizado e autêntico chefe de linhagem da tradição Sakya.

Sua Eminência tem estado profundamente envolvido no sentido de garantir o bem-estar e boa educação dos jovens monges sob seus cuidados, o que lhe rendeu profundo respeito e devoção. Durante seus anos como vice-presidente do Sakya Centre, ele renovou a cozinha, biblioteca e quartos, bem como forneceu aos monges um campo desportivo adjacente ao local, que os monges usam diariamente.

Sua Eminência também empreendeu a construção do gompa no Sakya Nunnery. É de uma beleza inspiradora, que foi cedida para as iniciações Wangyal Norbu Thengwa dadas por Sua Santidade em 2009.

Sua Eminência iniciou dois grandes projetos que estão prestes dar frutos: O Sakya Academy e o Gyana Project.

O Sakya Academy tem por objetivo dotar cerca de 500 jovens monges noviços com uma educação impregnada no conhecimento budista canônico, especialmente os textos dos grandes mestres Sakya e, paralelamente, uma educação moderna que irá equipá-los com as ferramentas necessárias para manter a par de um mundo cada vez mais complexo. O local proposto para o projeto dista sete quilômetros de Dehradun, em 25 hectares, que irá fornecer aos monges jovens uma atmosfera propícia ao estudo e contemplação.

O Gyana Project aspira a recolher e traduzir para o inglês as escrituras existentes da tradição Sakya, em particular, os ensinamentos e comentários dos cinco mestres fundadores. Esse projeto foi concebido originalmente pelo falecido Khenpo Migmar Tsering Rinpoche, outrora abade e diretor do Sakya College, e um dos principais mestres de Sua Eminência. Mas ele faleceu antes que pudesse levá-lo à luz e Sua Eminência comprometeu-se em seu leito de morte que ele iria realizar seu sonho.

O Mosteiro Sakya no Tibete, construído no século XII por Khon Konchog Gyalpo (1034-1102), abriga uma biblioteca extraordinária, que se manteve intacta ao longo dos séculos, tendo até sobrevivido a incursão chinesa. Essa biblioteca contém uma quantidade notável de volumes, alguns medindo 1,80 m por 50 cm, com suas páginas descritas em tinta dourada e agraciadas por esplêndidas iluminações. Esses foram um presente de Kublai Khan para o seu mestre de raiz, Drogön Chögyal Phagpa, um dos cinco fundadores. Em 2003, uma biblioteca secreta foi descoberta no mosteiro, selada dentro de uma parede, com um precioso acervo de 84 mil pergaminhos, sendo que o conteúdo completo ainda precisa ser estabelecido.

Esses textos são de enorme importância e sua tradução para o inglês irá garantir que as gerações futuras em todo o mundo possam se beneficiar desse precioso tesouro de Dharma.

Biografia extraída e traduzida da revista Melody of Dharma, n. 3, 2010.