Estamos muito felizes em receber você no Mosteiro Sakya
Preparamos os espaços e atividades com muito carinho e atenção, e pedimos sua colaboração para que sua estadia e a de todas as outras pessoas seja uma experiência agradável e significativa.

VIVER E CONVIVER

 

Nosso comportamento no Mosteiro

Estamos em um Mosteiro, um ambiente monástico onde algumas atitudes são recomendadas: preserve o silêncio durante as atividades do Dharma e após as 21h.
Mesmo durante os momentos de descontração, lembre-se de se manifestar de forma a respeitar os votos monásticos do Lama, o ambiente do mosteiro e a privacidade das outras pessoas.

Seus aposentos e seus pertences

Preparamos sua hospedagem com cuidado. Pedimos que cuide dos seus aposentos e dos seus pertences, pois não podemos nos responsabilizar pela perda de nenhum de seus objetos. Se achar necessário, mantenha trancada a porta do seu quarto, para isso lhe entregamos a chave na sua chegada.

Manutenção e limpeza

Você conhecerá as pessoas que cuidam da limpeza e manutenção, elas estão sempre prontas a deixar todos os espaços limpos e preparados para a sua estadia, mas pedimos que você também colabore no sentido de manter a ordem em seus aposentos e nos espaços comuns, contribuindo para que esta estadia seja agradável para todos.

Nossas refeições

Procuramos preparar nossa alimentação de forma saudável e saborosa, mas nem sempre conseguimos agradar a todos os paladares. Agradecemos por todas as sugestões no sentido de aperfeiçoar nossas refeições. Mas se você tem restrições de alimentação, por favor, antes de vir para o Mosteiro, lembre-se de checar se é possível manter seus hábitos alimentares durante a sua estada conosco, pois somos um grupo de pessoas, e não será possível adequar o cardápio a situações particulares.

Saúde e cuidados especiais

Se você não está bem de saúde física ou mental e precisa de cuidados especiais, nos sentiremos felizes em conversar com você e oferecer orientações que possam lhe ajudar. Mas não podemos realizar os cuidados que você talvez necessite.  Portanto, antes de vir se hospedar no mosteiro, reflita se está em condições de cuidar de si mesmo e se este é um bom momento para permanecer conosco, pois não temos condições de prestar cuidados especiais.
Lembre-se também que você estará com outras pessoas, e que é da sua responsabilidade não conviver com os outros caso esteja com alguma doença contagiosa.

Como chegar e sair do Mosteiro

É sempre com alegria que recebemos a todos, mas não temos como fazer você chegar ou sair daqui. Por favor, antes de vir ao Mosteiro, verifique nossa localização, e organize como será o seu transporte para chegar e partir.  

ETIQUETA NO DHARMA

 

Nosso comportamento no Mosteiro

Não é raro quando estamos em ambientes que não fazem parte de nosso cotidiano, termos duvidas do que fazer e ou evitar. Estar em um Mosteiro Budista pode ser uma dessas ocasiões; assim para tornar sua visita a mais agradável possível, oferecemos aqui um roteiro do que fazer e o que evitar.

“Mosteiro é um local de pratica espiritual e/ou religiosa, isso nos inspira respeito, conduta adequada                     e principalmente silêncio.”

  1. Aqui há monges, alunos residentes, colaboradores voluntários e pessoas contratadas para cuidar do local e do seu bem estar. Procure saber quem pode lhe ajudar em sua chegada e assim tornar a sua estada ou visita agradável, atendendo a motivação que o trouxe aqui.

  2. Deve-se tirar os sapatos para entrar no Shrine, não se deve pular as mesinhas, não se deve apontar os pés em direção ao Lama, altar e objetos sagrados. Não coloque os textos litúrgicos, livros budistas, fotos das Deidades, fotos de lamas e monges no chão.

  3. O Lama residente é um Monge plenamente ordenado, isso significa que devemos nos dirigir a ele com gentileza, respeito e atitude adequada. Devem-se evitar algumas atitudes tradicionais da nossa cultura como: abraçar, beijar, fazer brincadeiras de humor, questionamentos fora de assuntos relacionados ao Dharma ( idade, se já foi casado, se vai ao cinema, se e por que come carne, o que pensa disto ou daquilo etc..) ou dirigir-se ao Lama usando de expressões ou atitudes como se fosse um amigo comum.

  4. Não usar o nome civil do Lama. Exceção é feita as pessoas não budistas e para assuntos não relacionados ao Dharma. Não se dirigir ao Lama Rinchen o chamando simplesmente de Rinchen; Você poderá se dirigir a ele como Lama Rinchen ou Monge Rinchen.

  5. Dentro do Shrine (Sala de Meditação), fazer silêncio, ficar de pé quando o Lama entrar e manter-se assim até que ele se sente. Para todos aqueles que tem votos de refugio recomenda-se que se faça as prostrações às Três Jóias.               

  6. Visitantes e pessoas que não tem refugio pede-se que demonstrem atitude de respeito às Três Jóias e ao Lama permanecendo em pé até que o Lama tenha sentado.

  7. Perguntas referentes ao ensinamento ou ao puja devem ser feitas somente AO FINAL de cada sessão.

  8. Durante os intervalos permanecer em silencio, se conversar use voz baixa. Evite falar coisas desnecessárias,  usar vocabulário mundano, rir ou gargalhar.

  9. Recomenda-se fortemente EVITAR: fazer comentários sobre outros Lamas, Monges, Professores do Dharma, Escolas, Tradições e Religiões; falar de política ou criticar qualquer pessoa ou atividades. Lembre-se o Mosteiro é um lugar de silencio, recolhimento, praticas altruístas, meditação e estudos.

  10. Sugere-se respeitar o silêncio do outro e sua privacidade. Nos intervalos o Shrine pode ser usado para meditação, praticas pessoais e estudos individuais. Solicitamos que não permaneçam dentro do Shrine para conversas, dormir, fazer uso da Internet ou fotos.

  11. Solicitamos que façam sua inscrição ou pagamentos diretamente na recepção no momento de sua chegada. Diárias extras ou refeições extras devem ser pagas no mesmo dia.

  12. Caso pernoite no Mosteiro, homens e mulheres ficarão hospedados em alojamentos diferentes. Solicitamos aos casais, namorados, noivos que mantenham uma atitude adequada ao local.